[Resenha] Amar Você | Jasmin Palumbo

Título: Amar Você

Autor(a): Jasmin Palumbo

Editora: Independente

Páginas: 507

Classificação: Design sem nome

Sinopse: “Nicolas já não era mais um garotinho que vivia grudado à sua mãe. Ele havia crescido e, com isso, ele não era exatamente o que todos esperavam da criança que um dia havia sido.
Nico cresceu como o reflexo do pai, um tanto quanto introspectivo.
O mesmo havia acontecido com Branca, que cresceu com a personalidade mais parecida com o do pai, que a da mãe. Mas, exatamente por isso, ela era o oposto de Nico. Enquanto o jovem adulto era objetivo e literal, Branca era espirituosa e espontânea.
No entanto, nem sempre ambos podiam fugir da convivência do outro, além de amigos em comum, tinham pais amigos do outro, criando assim, um elo, mesmo sem eles quererem, entre o outro.
Mesmo com barreiras invisíveis entre eles, uma faísca foi acesa quando um beijo foi dado.
Eles eram jovens e, às vezes, imaturos. Sendo assim, esqueceriam seus medos para viver um amor? E seria o amor realmente capaz de sobrepor qualquer problema?
Nicolas era soronegativo; Branca, positivo.
Continuar lendo

Anúncios

[Resenha] Os Cinco do Ciclo | Elias Flamel

Título: Os Cinco do Ciclo

Autor(a): Elias Flamel

Páginas: 556

Editora: Independente

Classificação: Design sem nome (2)

Sinopse:Yosef de Keltoi. Presenteado na infância, por uma de suas mães, com um tesouro de muitas páginas. Cresceu com pouco, encontrou o seu amor e ao lado dela teve que instigar uma revolução entre trabalhadores do campo. Sua vitória não foi perfeita, pois falhou contra os deuses que tanto venerava. Assim, o líder de uma vila pequena, e quase oculta entre os quatro cantos do mundo, vive o começo da sua velhice. 

Não reclama de ter vivido muitos ciclos e é servo de um império que pintou de rubro nações que ousaram ser grandes. Sempre preocupado com o seu povo e com a sua família. Qual vem primeiro? É uma pergunta que necessita de tempo e páginas para ser respondida. Hitalo, o mais velho dos seus filhos, exige mais firmeza com os homens do campo. No auge da juventude, o divertido e criativo Yohan deseja provar para o seu pai que é um homem feito. Morgiana, companheira de luta, enxerga muito além do que os olhos podem ver e deseja alertar o seu amado Yosef a respeito de algo muito difícil de fugir. 

Yosef parte para Numitor, sua viagem tem como destino a capital de todo o império, lar dos homens de togas brancas que praticam um culto conhecido pelas eras. E esses mesmos homens possuem legiões em seu poder. Era para ser somente mais uma viagem dos tributos, mas o homem comum ouve boatos que colocam em risco o seu lar, a sua cultura e as suas crenças. Uma ajuda é mais que necessária, mas aqueles que são os mais poderosos e dotados de uma sabedoria milenar começam a pedir socorro. Só Yosef, o líder, pode salvar o que tanto ama.

Ao tentar, é exposto o seu passado manchado, ele reencontra velhas amizades e conhece desejos guardados dentro do peito de um dos seus filhos. Sua vontade de ter o que tanto deseja fará Yosef se embrenhar pelas ruas do império. Será preciso conviver com ladrões, fardados de rubro, uma sociedade que ama a prata e o ouro e terá de lutar até mesmo contra a fúria da natureza.” Continuar lendo

[Resenha] A Solidão de Um Lutador | Marta Vianna

Título: A Solidão de Um Lutador

Autor (a): Marta Vianna

Páginas: 345

Editora: Sonho de Livro

Classificação: Design sem nome

Sinopse: Uma família destruída por um pai sem coração. Abandono, sofrimento e muitas adversidades completam a trajetória de vida de Bryan, um lutador famoso que venceu sua pior luta quando aprendeu a se defender ainda criança.
Abandonado por sua mãe em um orfanato, apenas descobriu o que era o amor através das irmãs freiras e de seu amigo, Pablo. Uma forte amizade nasceu entre os dois tornando-os além de amigos, irmãos. Bryan encontrou em seu amigo o que nunca recebeu de seu pai, o afeto, o companheirismo a lealdade.
Com o coração fechado para o amor ele conhecerá Angel, a pessoa que ele mais vai tentar se manter longe por medo de se apaixonar, mas será ela quem trará boas novas sobre sua mãe. Mediante a isso, Bryan conhecerá o amor e ele se verá confuso sem saber o que fazer com esse sentimento que ele mesmo desconhece.
Será que depois disso ele abrirá seu coração para o amor e se deixará ser amado? Será que ele conseguirá superar o medo de ser abandonado novamente?



Em “A Solidão de Um Lutador“, conhecemos a linda história de Bryan e Angel. Ele, um lutador famoso, ela, uma estudante de enfermagem e garçonete – além de ótima lutadora. Continuar lendo

[Resenha] Ponto Sem Retorno | Gabriela Simões

Ponto Sem RetornoTítulo: Ponto Sem Retorno

Autor(a): Gabriela Simões

Editora: Edições Vieira da Silva

Páginas: 244

Classificação: Design sem nome

Idioma: Português de Portugal

Sinopse:Giselle Levy é meio-bruxa e vive isolada do mundo com o seu avô, escondida do olhar do rei. É cuidadosa e astuta, contudo, numa tentativa de sobreviver, foi apanhada e chantageada por um dos príncipes de Kendrad, Cristian, que promete não a entregar, se ela for trabalhar para o palácio. Num dilema, ela coloca em perigo a sua identidade e passa a trabalhar no palácio, onde terá de lidar com as constantes tentativas de sedução do príncipe Cristian, os misteriosos olhares de príncipe Eli, os encontros escondidos com o seu melhor e único amigo, Rylan, e um rei desumano com segredos obscuros. Giselle vive numa constante incerteza e angústia de ser descoberta, amargurada pelo facto de não poder ser livre, encontra uma misteriosa sala, com um poderoso encantamento que poderá mudar tudo. Assertiva, inteligente e defensiva, irá deparar-se com uma escolha que mudará para sempre a sua vida e a ideia que tem si própria.”



Bem, o livro Ponto Sem Retorno conta a história de Giselle, uma jovem meio-bruxa que vive escondida com seu avô em um asilo no prado. Você deve estar se perguntando o porquê dela viver escondida… acontece que, há alguns anos atrás, o rei mandou matar todos os seres mágicos do reino e a mãe de Giselle – para proteger a filha –  a deixou com seu avô, escondida do perigo. Continuar lendo

[Resenha] O Par Perfeito | Shirlei Ramos

Título: O Par Perfeito

Autor(a):  Shirlei Ramos

Páginas: 484

Editora: Independente

Classificação: Design sem nome39ed1e12ab8630b84346e3b343484760--diamond-drawing-diamond-tattoo

Sinopse: “Aos oito anos, Elise traçou a meta mais importante de sua vida quando viu seu pai e sua mãe se beijando apaixonadamente: ela encontraria o par perfeito e teria um relacionamento tão idílico quanto o de seus pais.
O tempo passou. Elise cresceu tanto que os olheiros não cansavam de chamá-la parar fazer testes em agências de modelos. Mas a moça, depois do segundo desfile, desistiu da carreira glamorosa das passarelas. Desistiu também da faculdade de Pedagogia, de Turismo, e do emprego como vendedora. A verdade é que, mesmo aos 26 anos, Elise não tem certeza do que quer ser “quando crescer”. Quer dizer, ela ainda está certa sobre a busca do “príncipe encantado” e seu conto de fadas. O problema é que Elise tampouco foi bem-sucedida nessa área. 
Colecionando namoros desfeitos, corações partidos, fossas gigantescas e eternas dúvidas profissionais, Elise ainda tem que lidar com a irmã perfeccionista, onze anos mais velha, que ocupou o lugar deixado pelos pais, vítimas de um acidente de ônibus, há sete anos. A única parte realmente boa da vida de Elise é Samanta, a sobrinha e companheira incansável de seis anos. 
As coisas, contudo, parecem estar prestes a mudar na vida de Elise. Seu cunhado, mais conhecido como o “marido-capacho” de sua irmã, lhe apresenta o cara que preenche, finalmente, todos os requisitos do “Senhor Perfeito”. Viúvo, pai de uma menina de dez anos, Roberto é romântico à moda antiga, não bebe, não fuma, adora crianças… e imagine, adora comédias românticas!
Ao que tudo indica, a busca mais importante de Elise chegou ao fim. E a vida está lhe sorrindo como nunca. Então, não lhe custa nada ajudar um estranho a encontrar a mesma felicidade que ela está sentindo, não é mesmo?
É isso que Elise pensa após presenciar uma discussão calorosa entre um casal, no corredor de um supermercado, seguida de um rompimento de namoro. Ela, então, propõe ajudar Gael, um executivo workaholic, a reconquistar o coração da namorada. Porque se existe alguma coisa na qual Elise é perita, sem dúvida, é no assunto “como ser o namorado perfeito”. 
Entre lições de “como tornar Gael o Senhor Perfeito e reconquistar a ex-namorada”, peripécias amorosas com Roberto — enfim, “o seu sonhado Senhor Perfeito” —, e eventos inesperados, Elise vai descobrir que nem sempre o maior sonho de nossa vida vem com o embrulho que desejamos. E que alguns acontecimentos têm o poder de nos fazer amadurecer à força.” Continuar lendo

[Resenha] Estrela Sangrenta | Leandro Zerbinatti

Oi, oi pessoal! Como estão?!

Vamos conhecer uma das primeiras civilizações nessa viagem. Diversas teorias rondam o lugar, você – com certeza – já ouviu pelo menos duas delas. As teorias vão de ET’s a deuses. E se eu lhe contar que são os dois, ou melhor, a mesma coisa?! Se você ainda não descobriu onde a história se passa, vou lhe contar….. Vamos para o Egito!



Título: Estrela Sangrenta

Autor(a): Leandro Zerbinatti

Páginas: 215

Editora: Independente

Classificação: Design sem nome (1)

Sinopse: ” ‘E de tudo que me fora negado, a morte não era exceção.’

Banido de seu mundo de origem, Remekhse ruma para a Terra com um grupo de companheiros a fim de impulsionar o crescimento da infante civilização humana. Venerado como um deus entre os homens, ele haverá de se tornar o primeiro vampiro e escreverá em sangue a história da raça humana.”



Bem, no livro Estrela Sangrenta conhecemos a história de Remekhse. Ele e outras “pessoas” foram enviados para Terra, visando cumprir deveres para serem reinseridos na na sociedade de seu planeta. Continuar lendo

[Resenha] Em Seus Olhos | Nilcéia Muniz

Oi, oi pessoas! Como estão?!

Aproveitei o feriado prolongado para colocar algumas leituras em dia e acabai me excedendo bastante….Li, pelo menos, dez livros nesse tempo e durante essa semana que se finda li mais dois. Hoje trouxe a resenha de um que eu terminei de ler ontem à noite e que me conquistou pela história envolvente…. Com vocês, Em Seus Olhos!



Título: Em Seus Olhos

Autor: Nilcéia Muniz

Páginas: 879

Editora: Independente

Classificação: Design sem nome

Sinopse: De sorriso assassino e olhos neons, Alexander Campbell, um lutador de MMA campeão na categoria peso pesado, aos vinte e nove anos tem tudo o que poderia querer; Uma carreira de sucesso, a melhor família do mundo — que é sua base — e mulheres que, não se importam com o que ele está mais que disposto a dar: Apenas o momento. 
Momentos esses que, ele garante fazer valer a pena. 
Lara é outra história. Brasileira, se mudou para os Estados Unidos aos dezoito anos onde cursou faculdade e iniciou sua carreira na fotografia e fez do novo País seu lar, mesmo que inicialmente esse não fosse o plano. Ela costuma dizer que não fugiu do Brasil, ela apenas deixou para trás um pai violento, uma mãe conformada e uma batalha que ela lutou demais e que na verdade, nem era dela.
E o que esses dois tem em comum? Nada… Tudo… O caminho entre eles colidem de uma forma inevitável, intensa, inegável. Como se, de alguma maneira não pudesse ter sido diferente. E a certeza de que, apenas um gosto não seria suficiente.
E, não foi.
Conheçam Alex, Lara e tudo que vem com esses dois. Uma família maravilhosa que tem respeito-zero-sobre-privacidade-aos-membros-dela. Frio na barriga, intensidade, cenas quentes — bem quentes — gargalhadas garantidas e suspense. Tudo isso regado à um mocinho determinado como um inferno, uma mocinha corajosa, boca suja e com um grande senso de humor, e claro, todo amor do mundo…
E claro, toda a luta férrea para mantê-lo.
Se você se arriscar nessa leitura, eu — a autora aqui — desejo uma boa viagem. A melhor possível… Estarei com os dedos cruzados torcendo por isso. Já de antemão, aviso: Nosso mocinho não é conhecido por ser paciente. Você vai encontrar uma, duas ou três vezes a palavra “minha” sendo dita possessivamente, e talvez dependendo de quão fundo na história você estiver será capaz de ouvi-la sussurrada em seu ouvido. E se isso acontecer? Não se preocupe. Esse, sem dúvida é Alex.
“Não sei quem de nós fechou os olhos primeiro. Depois que selei minha boca na dela, só tive a consciência do fogo.
Fogo que corria em minhas veias desenfreadamente.
Em algum lugar distante do meu cérebro, registro a música que toca no ambiente, coincidentemente falando exatamente sobre prazer e fogo.
Quando sinto minha língua na dela, um rosnado sai de mim, e a puxo ainda mais pra perto.
Fogo? Fale sobre isso.
Eu estava queimando.” — Alexander Campbell” Continuar lendo