[Resenha do filme] A Grande Muralha

Renha Filmes Ste livros.Título Original: The Great Wall

Gênero: Aventura/ Ação/ Fantasia

Lançamento: 23/02/2017

Tempo de Duração: 103 Min.

Nota IMDb: 6.0

Sinopse:

Mais de 1.700 anos para ser construída e mais de 8 mil quilômetros de comprimento: o mistério em torno da Grande Muralha da China é tema do novo suspense de Zhang Yimou (‘O Clã das Adagas Voadoras’). O longa conta a história de uma força de elite que apoia a construção de uma das estruturas mais icônicas da humanidade.

Opinião:

O filme traz com muita perfeição os cenários antigos da china. Com um enredo simples mas muito bem-criado. Os personagens principais, muito bem caracterizados. Os personagens principais inicialmente eram apenas viajantes atrás da pólvora que encontrava-se atrás dos grandes muros da china.

The Great Wall, ou como traduzido, A grande muralha, dá um show em feitos especiais. As criaturas que atacam os muros passam uma veracidade incrível e o figurino dos soldados, armas medievais e modo de combate contra as criaturas, totalmente inovador e de cair o queixo.

a criatura - ste livrosSe existe um filme que é difícil achar pontos negativos, “The Great Wall” é o filme. O longa consegue prender a sua atenção do começo ao fim com incansáveis batalhas, e sempre contando um pouco sobre as criaturas e como a cidade sempre sofre com os ataques.

Um dos pontos que pode ser considerado negativo é a história não explicar com exatidão o porquê das criaturas existirem, mas claro, isso bem que poderia ficar para um segundo filme.

Tendo um nota aceitável de 6,0 no IMDb, o filme tem nossa aprovação e, com certeza, é um ótimo título para assistir em família em um domingo frio de inferno.

[Divulgação de Autores] Franklin S. Carter

CAPA- Conto Meus Contos.pngLIVRO I: CONTO MEUS CONTOS
LINK: https://www.wattpad.com/story/111783097-conto-meus-contos

SINOPSE: Já parou pra pensar que de alguma forma todas as vidas estão interligadas. Que a moça que você conheceu hoje de manhã na cafeteria pode ser prima de uma amiga sua ou a mãe dela pode ser a chefe do seu pai. De alguma forma todas as pessoas desse mundo estão conectadas, seja pela família, ações, gostos, sentimentos, há sempre algo que conecta cada um de nós ao próximo.

Continuar lendo

[Divulgação de Autores] Alan Victor

635986735574195684.jpg

Sinopse: David Silva é um jovem programador que acidentalmente criou um código de viagem no tempo
e decidiu voltar ao passado para conquistar o grande amor da sua vida, mas acaba piorando tudo a cada viagem que faz.

Genero: Ficçao/romance.

Disponível em: Site da Editora modo, casas bahia, extra, facileme, livraria cultura e saraiva.

[Resenha] Sonata em Punk Rock

Resultado de imagem para sonata em punk rock vendaTítulo: Sonata em Punk Rock

Autora: Babi Dewet

Editora: Gutenberg

Classificação: 5/5

ISBN: 9788582353899

Sinopse:”Por que alguém escolheria uma orquestra se pode ter uma banda de rock? Essa sempre foi a dúvida de Valentina Gontcharov. Entre o trabalho como gerente do mercado do bairro e as tarefas de casa, o sonho de viver de música estava, aos poucos, ficando em segundo plano. Até que, ao descobrir que tem ouvido absoluto e ser aceita na Academia Margareth Vilela, o conservatório de música mais famoso do país, a garota tem a chance de seguir uma nova vida na conhecida Cidade da Música, o lugar capaz de realizar todos os seus sonhos.No conservatório, Tim, como prefere ser chamada, terá que superar seus medos e inseguranças e provar a si mesma do que é capaz, mesmo que isso signifique dominar o tão assustador piano e abraçar de vez o seu lado de musicista clássica. Só que, para dificultar ainda mais as coisas, o arrogante e talentoso Kim cruza seu caminho de uma forma que é impossível ignorar. Em um universo completamente diferente do que estava acostumada, repleto de notas, arpejos, partituras, instrumentos e disciplina, Valentina irá mostrar ao certinho Kim que não é só ele que está precisando de um pouco de rock¿n¿roll, mas sim toda a Cidade da Música.”



O que dizer desse livro que me conquistou de cara?! Sonata em Punk Rock conta a história de Valentina, ou Tim. Uma garota de 20 anos que é apaixonada por música e que vive uma vida bem simples com sua mãe. Continuar lendo

Resenha do Jogo: Bloodborne

Bloodborne começou a ser desenvolvido ainda em 2012 sob o misterioso nome Project Beast. A idéia era não só levar o já consagrado estilo de jogo para a nova plataforma, mas também criar uma nova IP (intellectual property, propriedade intelectual) exclusiva para o Playstation 4. Com isso, a Sony poderia arrebatar não só os fãs de longa data como eu, mas também cativar novas ovelhinhas gamers dispostas a morrer milhares de vezes e a jogar seus controles na parede.

 

É um jogo de ação em terceira pessoa com elementos de RPG, que foi influenciado pela mesma fonte de Dark Souls. Contudo, os fãs experientes da série Souls precisarão deixar os escudos de lado, já que aqui a melhor alternativa é se esquivar. O game apresenta o combate mais rápido e dinâmico já criado pela From Software, transparecendo até uma certa influência do gênero Hack n’ Slash.

Opinião: 

A primeira mudança notável de gameplay é a velocidade: todos os combates são mais rápidos e dinâmicos, e o número de vezes que você enfrenta múltiplos oponentes ao mesmo tempo é significantemente maior do que nos antepassados Demon’s e Dark Souls. É impressionante como o game te força a esquecer tudo que você aprendeu até então. A configuração de alguns botões é diferente – muitas vezes utilizei itens de cura quando queria apenas mudar minha arma – e isso é só a ponta do iceberg. Penso que a From Software resolveu fazer o jogo um pouco mais acessível aos gamers recém-chegados à série. Ao contrário do que estávamos acostumados a ver, em Bloodborne os picos de dificuldade são poucos, e depois de passada da curva de aprendizado das primeiras fases do jogo, o game corre rápido até o final – bem mais rápido do que eu gostaria.Por outro lado, a quantidade de armas disponíveis em Bloodborne é menor do que Dark Souls, mas as armas deste novo jogo têm mais personalidade e são realmente únicas.

Maravilha de Bloodborne é que quanto mais jogamos, mais evidente se torna o quão bem pensado o jogo está. Tudo está ligado de alguma forma.Não só é um jogo extremamente bem feito, como também tem elevados valores de produção. A nível gráfico é um colosso que surpreende pela quantidade surreal.

 

 

 

Então é isso galerinha, ótima leitura! Beijo e até a próxima!